Primeiro projeto open source de 2018 e a colaboração

Olá pessoal!

Este post é para falar sobre colaboração, e também de uma ferramenta simples que pode ajudar vocês no dia-a-dia.

Conceituação

Na minha nova jornada como Agile Coach ainda executo muitas coisas da minha parte técnica de desenvolvimento e teste, agora mentorando e ajudando times dentro do universo da Engenharia de Software.

Um problema que temos é a indisponibilidade dos serviços (na sua maioria SOAP), o que faz com que os testadores nos times percam muito tempo executando testes manuais ou automatizados até que vejam que um serviço está fora em algum ambiente.

Eu e o meu colega de trabalho Gregory Severo, que é “o cara” de Qualidade de Software dentro do time de DevOps que temos, resolvemos fazer algo juntos… e em poucas horas saímos com uma aplicação para ajudar todos os times que desejam verificar, de forma fácil e rápida, se os serviços estão no ar (chamamos isso de health-check).

O que criamos

Como nós dois somos “javeiros” e muitos testadores utilizam também a linguagem Java para a criação de scripts de teste automatizado resolvemos criar uma simples aplicação em Java que lê um arquivo JSON contendo uma série de nomes e URL’s.
Os nomes servem para dar um título à execução do teste e a URL é o endpoint do serviço.

Nessa sinergia nasceu o health-check-api.
https://github.com/eliasnogueira/health-check-api

O que o health-check-api faz?

Ele é um projeto simples que lê um arquivo JSON contendo uma série de URL’s, onde será analisado se esta está ativa.
Se sim o teste executa com sucesso. Se não falha. Simples assim.

A execução se dá por linha de comando através do Maven e há opções de informar um arquivo diferente do padrão para ser utilizado na execução. Ao final desta, ele gera um resultado em XML (padrão xUnit para ser usado na nossa aplicação de Integração Contínua) e um HTML para uma execução ‘standalone’ (na sua máquina).
Dê uma olhada no README.md do projeto para saber executa-lo em detalhes.

Você pode contribuir utilizando este projeto, ajudando a divulga-lo ou mesmo ajudando a melhora-lo.

Vídeo explicativo de como usar o projeto

E sobre a colaboração

Já diz o ditado popular: “duas cabeças pensam melhor que uma!”

Levantamos a necessidade, juntamos nossos conhecimentos e começamos a fazer um brainstorm de ideias de como viabilizar. Chegamos a várias versões de código depois de vários testes.

O que mais contou é que, com uma pequena força de vontade e boa vontade, atrelado a colaboração, podemos desenvolver qualquer coisa para ajudar outras pessoas a tornar o seu trabalho mais fácil.

Esta é a palavra do ano para mim: colaboração!
Gostaria que fosse a sua também!

Abraços!

One thought to “Primeiro projeto open source de 2018 e a colaboração”

Leave a Reply

Your email address will not be published. Required fields are marked *